Notícias | Dia a dia
Matos, Reis, Ciro e Mateus Alves vencem em SP
06/11/2018 às 17h36

Matos teve uma estreia tranquila nesta terça-feira no Paineiras

Foto: João Pires/Fotojump

São Paulo (SP) - A rodada desta terça-feira foi boa para alguns representantes da nova geração do tênis brasileiro que estiveram em quadra pelo IS Open São Paulo. O gaúcho Rafael Matos, o pernambucano João Lucas Reis, e os paulistas Mateus Alves e Gabriel Ciro da Silva venceram seus jogos de estreia no future de US$ 15 mil, disputado no Clube Paineiras do Morumby.

Sexto favorito, Matos teve uma estreia tranquila no Paineiras, clube em que conquistou seu primeiro título da temporada, em maio. O canhoto de 22 anos venceu o qualifier de 18 anos o qualifier Leonardo Frederico por 6/2 e 6/1.

"Foi um bom jogo para sentir as condições de primeira rodada. Gosto muito de jogar aqui. Agora é buscar a energia daquela semana em que fui campeão de simples e duplas para desenvolver nessa", disse Matos, 540º do ranking. O gaúcho enfrenta nas oitavas o paulista Luis Britto, que venceu o suíço Louroi Martinez por duplo 6/4.

O cabeça 7 João Lucas Reis teve trabalho no duelo nacional contra Enrique Bogo. O pernambucano de 18 anos precisou de 2h28 para vencer por 5/7, 6/1 e 6/2. Reis, que é número 599 do mundo, terá como adversário nas oitavas o chileno vindo do quali Javier Naser, que vencia o catarinense Thales Turini por 6/2, 3/2 e 2/1 quando o rival abandonou por conta de uma sobrecarga muscular nos membros inferiores.

Mateus Alves conquistou seu segundo ponto no ranking mundial em São Paulo. O rio-pretense de 17 anos derrotou Felipe Garla por 7/6 (7-3) e 6/3 para repetir a campanha que havia feito em Brasília. "Com certeza esse ponto vai me ajudar muito, já que estou na transição entre o juvenil e o profissional. Pode ser que eu consiga entrar direto na chave de alguns futures”, afirma o jovem paulista. Seu próximo adversário é o carioca Carlos Severino, que venceu o cabeça 3 Daniel Dutra da Silva por 7/5, 3/6 e 7/5.

Já o paulista Gabriel Ciro da Silva, de 19 anos, se classificou após derrotar Rai Araujo por 1/6, 6/1 e 6/4. Ele enfrenta na próxima rodada o vencedor da partida entre o experiente paulista Nicolas Santos e o catarinense vindo do quali João Hinsching.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis