Notícias | Dia a dia
Federer tem grande atuação e reencontra Djokovic
02/11/2018 às 19h40

Federer venceu 97% dos pontos com seu primeiro saque na partida

Foto: Divulgação

Paris (França) - Depois de uma estreia sem grandes emoções na última quinta-feira, Roger Federer elevou o nível e garantiu vaga na semifinal do Masters 1000 de Paris. Com grande atuação, o suíço despachou o japonês Kei Nishikori por duplo 6/4 em apenas 1h19 de partida, em quadra dura e coberta na capital francesa.

A vitória garante a Federer um duelo na semifinal contra Novak Djokovic. O suíço leva desvantagem no histórico de confrontos contra o sérvio, com 22 vitórias e 24 derrotas. Djokovic levou a melhor nos três últimos encontros entre eles, um deles este ano na final de Cincinnati. O novo duelo está marcado para às 12h30 (de Brasília) deste sábado.

Vindo de título na Basileia no último sábado, Federer conquista sua sétima vitória seguida. O suíço de 37 anos ainda sonha com seu centésimo título na carreira. Dono de 99 troféus, o veterano pode alcançar a façanha ainda na atual temporada, seja em Paris ou no ATP Finals em Londres. Caso derrote Djokovic, Federer alcançará sua 152ª final da carreira.

Uma estatística de destaque foi o desempenho Federer teve nos pontos jogados com seu primeiro saque. O suíço 28 pontos em 29 possíveis nessas condições, com 97% de aproveitamento. Além disso, ele só perdeu 12 pontos em seus games de serviço e enfrentou apenas um break point.

Embora tenha colocado apenas 52% de primeiros serviços em quadra durante o set inicial, Federer correu pouquíssimos riscos. Em seus quatro primeiros games de saque, o suíço perdeu apenas três pontos e vinha confirmando o serviço com rapidez. Além disso, o número 3 do mundo dominava as ações do fundo de quadra e oferecia pouca resistência ao japonês, liderando a contagem de winners do set por 13 a 4.

Federer conseguiu uma importante quebra no nono game da partida. Logo depois, Nishikori conseguiu boas devoluções e ainda venceu uma disputa na rede para chegar ao break point, mas o suíço fechou a porta sacando muito bem.

Logo na abertura do segundo set, Federer teve um início arrasador e venceu oito pontos seguidos. O suíço mandava nos pontos e teve chance para voltar a quebrar, mas Nishikori evitou que o prejuízo ficasse ainda maior com um bom saque, respondido na rede. Ainda que Federe tivesse alguma dificuldade em um de seus games, ele não enfrentou break points. Além disso, o ex-número 1 venceu todos os 15 pontos jogados com seu primeiro saque durante a parcial. No fim do jogo, Federer teve 26 a 10 em winners, e fez 15 erros contra 19 do rival.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis