Notícias | Dia a dia
Zverev leva a melhor em duelo da nova geração
31/10/2018 às 11h11

Zverev teve quatro quebras a favor e duas contra

Foto: Divulgação

Paris (França) - O alemão Alexander Zverev saiu vitorioso do duelo da nova geração com o norte-americano Frances Tiafoe, nesta quarta-feira, pela segunda rodada do Masters 1000 de Paris. Quarto pré-classificado, o germânico de 21 anos fez valer o favoritismo e derrubou o rival de 20 anos em sets diretos, com duplo 6/4 anotado em 1h44 de embate.

Classificado para as oitavas de final do torneio francês, Zverev terá pela frente o vencedor da partida entre o espanhol Feliciano López, que veio do qualificatório, e o argentino Diego Schwartzman, cabeça de chave 15. O alemão bateu o canhoto de Toledo na única vez que se cruzaram e perdeu para o argentino também em encontro solitário.

Também passou pela estreia no Palácio de Bercy o búlgaro Grigor Dimitrov, que não teve um jogo fácil contra o espanhol Roberto Bautista, mas no fim das contas acabou conseguindo prevalecer e venceu o rival em sets diretos, com placar final de 7/6 (12-10) e 6/4, depois de 1h36 de duelo.

Nono mais bem cotado ao título, Dimitrov terá um páreo ainda mais duro pela frente na segunda rodada, cruzando com o croata Marin Cilic. Será a quinta vez que os dois se encaram no circuito e o búlgaro leva a pior no retrospecto, tendo vencido apenas uma e perdido as outras três. Eles não medem foças desde o Masters 1000 de Cincinnati de 2016.

Atual número 10 do mundo, o búlgaro tenta salvar o ano e terminar 2018 ao menos no top 20. Dimitrov é apenas o 22º que mais somou na temporada e fatalmente não conseguirá defender o título do ATP Finals, quando perderá 1.500 pontos no ranking.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis