Notícias | Dia a dia
Bia encerra série negativa e avança nos EUA
30/10/2018 às 16h07

Bia havia sido eliminada na estreia nos últimos cinco torneios

Foto: Divulgação

Tyler (EUA) - Depois de sofrer com seis derrotas seguidas e cinco eliminações em estreias, Beatriz Haddad Maia pôs fim à sequência negativa e estreou com vitória no no ITF de US$ 80 mil no piso duro de Tyler, nos Estados Unidos. A número 1 do Brasil venceu a anfitriã 27 anos e 281ª colocada Gail Brodsky Gail Brodsky por 1/6, 7/5 e 6/3.

Bia estava sem vencer desde o qualificatório para o US Open, em agosto. A paulistana de 22 anos aparece atualmente apenas no 235º lugar do ranking, mas não tem pontos a defender até o fim da temporada. Por ter vencido um jogo em Tyler, ela já garante 10 pontos no ranking da próxima semana, com possibilidade de 21 se chegar às quartas.

Depois de ter alcançado o 58º lugar do ranking em setembro do ano passado e repetido essa marca em fevereiro, ela sofreu com lesões no punho esquerdo e nas costas e chegou a fazer uma cirurgia para sanar as dores de uma hérnia de disco lombar, que a deixou sem jogar entre maio e agosto.

A próxima adversária de Bia no torneio virá da partida entre as norte-americanas Louisa Chirico e Jessica Pegula. A paulistana perdeu para Chirico, 482ª colocada, na semana passada em Macon, enquanto um duelo contra a cabeça 4 e 124ª do mundo Pegula seria inédito.

Nas duplas, Bia forma uma parceria nacional com Paula Gonçalves. As brasileiras estreiam ainda nesta terça-feira contra as norte-americanas Kristie Ahn e Quinn Gleason.

Carol cai na estreia - Depois de disputar sete torneios seguidos na Itália, com direito a um vice-campeonato, e de alcançar o melhor ranking da carreira, Carolina Meligeni Alves seguiu para a Espanha, mas foi eliminada ainda na estreia do ITF de US$ 25 mil no saibro de Sant Cugat. Agora ocupando o 362º lugar do ranking mundial, melhor marca de sua carreira, a campineira de 22 anos foi superada pela cabeça 7 local Cristina Bucsa, jovem de 20 anos e 343ª do ranking, por 6/4 e 6/3.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis