Notícias | Dia a dia
Em busca de recuperação, Bia joga ITF americano
22/10/2018 às 17h44

Bia não defende pontos até o final da temporada

Foto: Arquivo

Macon (EUA) - Em busca de recuperação no ranking na reta final da temporada, Beatriz Haddad Maia disputará o ITF de US$ 80 mil em Macon, nos Estados Unidos. A paulistana de 22 anos estreará contra uma adversária vinda do qualificatório.

Bia iniciou a semana com a perda de 19 posições causadas pelo desconto de 30 pontos da campanha feita no WTA de Luxemburgo no ano passado. Com isso, ela aparece atualmente apenas no 232º lugar, mas não tem pontos a defender até o final do ano.

O melhor ranking da carreira de Bia Haddad Maia foi o 58º lugar, alcançado em setembro do ano passado e repetido em fevereiro. A canhota paulista sofreu com lesões ao longo do ano e ficou três meses sem jogar depois de passar por uma cirurgia em maio para sanar as dores de uma hérnia de disco lombar.

Caso passe por sua primeira adversária em Macon, Bia pode cruzar o caminho da norte-americana Madison Brengle, número 88 do mundo e principal cabeça de chave, que estreia contra a compatriota Danielle Lao.

Paula joga o quali - A campineira Paula Gonçalves está na rodada final do quali em Macon. Ela estreou vencendo a romena Gabriela Talaba por 6/2 e 7/5. Já nesta segunda-feira, passou pela norte-americana Peyton Stearns por 6/4 e 6/3. Sua próxima adversária é a também anfitriã Louisa Chirico. Pelo mesmo torneio, a paulistana Luisa Stefani perdue por 2/6, 7/6 (7-5) e 7/5 para a moldava Alexandra Perper.

Brasileiras na Itália - Duas brasileiras conseguiram vagas na chave principal do ITF de US$ 25 mil no saibro italiano de Santa Margherita di Pula. A paulista Carolina Meligeni Alves furou o quali ao vencer a campeã juvenil de Roland Garros Cori Gauff por 6/3 e 6/1 e vai enfrentar a húngara Vanda Lukacs, enquanto a gaúcha Gabriela Cé marcou 7/6 (7-4) e 6/3 contra a bósnia Nefisa Berberovic e terá pela frente a italiana Anastasia Grymalska.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis