Notícias | Dia a dia
'O mais importante é não ter que operar', diz Halep
21/10/2018 às 18h54

Halep sairá de férias e não acompanhará o Finals

Foto: Arquivo

Cingapura (Cingapura) - Afastada do circuito por causa de uma lesão nas costas, a romena Simona Halep não pode participar do WTA Finals, que teve largada neste domingo com dois jogos. Garantida como número 1 até o fim do ano, ela falou sobre o problema ao OK Tennis e disse que a única boa notícia é que não precisará de cirurgia para resolvê-lo.

"Eu preciso de um intervalo de três a quatro semanas, tenho que fazer tratamentos, fisioterapia e exercícios para que tudo esteja bem. Na verdade, ainda não há nada certo fora o fato de que não precisarei realizar uma operação. Isso é realmente importante, então eu tenho tempo suficiente para cuidar de mim mesma e descansar. Depois de algumas semanas, tudo deve melhorar", contou a romena.

"Como não estou jogando, a dor que sinto não é muito forte. Ainda assim há momentos que ela piora, mas nada comparado a quando estou em quadra", acrescentou Halep, que antes de desistir do WTA Finals já tinha abdicado de sua participação no Premier de Moscou.

Questionada sobre quem ela vê como favorita em Cingapura, a líder do ranking não quis apontar um nome. "É um torneio difícil de prever, aqui todo jogo é como uma final, eu sempre digo isso. Todas têm sua chance, você nunca sabe o que vai acontecer. Saber gerenciar as emoções será fundamental”, analisou Halep, que não irá acompanhar o torneio.

“Eu não vou ver um minuto do evento, já planejei as férias e preciso muito delas", finalizou a número 1 do mundo, que fecha 2018 com motivos de sobra para comemorar. Além de terminar na liderança do ranking, foi neste ano que ela faturou seu primeiro Grand Slam, levantando a taça de Roland Garros.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis