Notícias | Dia a dia
Isner sofre para vencer 102º, Fognini confirma
18/10/2018 às 19h08

Fognini enfrentará o sul-coreano Chung nas quartas de final

Foto: Divulgação

Estocolmo (Suécia) - Principal cabeça de chave do ATP 250 de Estocolmo, John Isner teve dificuldade para passar pela rodada de estreia do torneio sueco em quadras duras e cobertas. O número 10 do mundo precisou de três tiebreaks e 2h23 para vencer o duelo entre norte-americanos contra Bradley Klahn, 102º colocado, por 7/6 (7-2), 6/7 (5-7) e 7/6 (7-5).

Durante a longa partida desta quinta-feira, Isner disparou 31 aces contra 14 de Klahn e não enfrentou break points. O favorito, entretanto, não aproveitou suas duas chances de quebra contra o rival de 28 anos, o que acabou prolongando a duração do confronto.

Isner enfrentará mais um compatriota nas quartas de final. Seu próximo adversário será Tennys Sandgren, 62º do ranking, em duelo inédito no circuito. Sandgren avançou na capital sueca depois de derrotar o alemão vindo do quali Oscar Otte por 7/6 (7-4), 3/6 e 6/3.

Em outro duelo equilibrado, o alemão Philipp Kohlschreiber salvou cinco match points na vitória por 4/6, 7/5 e 7/6 (7-5) sobre o espanhol Fernando Verdasco. Depois de superar uma partida de 2h45 nesta quinta-feira, o veterano de 35 anos e 35º colocado enfrenta nas quartas o jovem grego de 20 anos e número 16 do mundo Stefanos Tsitsipas, vencedor do único duelo anterior entre eles.

Segundo favorito no torneio, Fabio Fognini teve mais tranquilidade para avançar em Estocolmo. O experiente italiano de 31 anos e 14º colocado marcou um duplo 6/4 contra o eslovaco Lukas Lacko, 81º. Em busca de um lugar na semifinal, Fognini encara o sul-coreano de 22 anos e número 27 do mundo Hyeon Chung, em confronto inédito no circuito.

Ainda nesta quinta-feira, Ernests Gulbis venceu um duelo de gerações contra Denis Shapovalov. O letão de 30 anos e 145º do ranking levou a melhor sobre o canadense de 19 anos e número 30 do mundo com parciais de 6/2 e 6/4. Gulbis, que já foi top 10, enfrentará nas quartas de final o cabeça 4 norte-americano Jack Sock, 18º colocado.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis