Notícias | Dia a dia
Rusedski: 'Djoko pode vencer os 4 Slam em 2019'
17/10/2018 às 08h47

Djokovic venceu os dois últimos Slam de 2018

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Vivendo novamente uma fase sensacional, o sérvio Novak Djokovic começa a empolgar não apenas os seus fãs, mas outras pessoas que conhecem de tênis. É o caso do britânico Greg Rusedski, vice-campeão do US Open de 1997, que acredita na possibilidade do tenista de Belgrado manter o embalo em 2019 e assim vencer os quatro Grand Slam no mesmo ano.

“Novak é a grande ameaça para a próxima temporada. Está empatado com Pete Sampras. ambos com 14, mas acredito que irá ultrapassá-lo já na Austrália. E não me surpreenderia se ele conseguisse ganhar os quatro Slam no mesmo ano”, ex-número 4 do mudo em entrevista para o Express.

“O que está conseguindo ‘Nole’ neste momento é incrível. Não tem o talento de Roger Federer, mas está mostrando que o tênis não se resume a isso. Alguns anos atrás, Federer era o único tenista que dominava os tempos da partida, mas atualmente quem faz isso melhor é Djokovic, que é o melhor do circuito”, acrescentou Rusedsky.

Campeão do Masters 1000 de Xangai, na última semana, Djokovic venceu os 18 últimos jogos que disputou e levantou a taça em quatro dos cinco últimos torneios que disputou, sendo dois Grand Slam (Wimbledon e US Open) e outros dois Masters 1000 (Xangai e Cincinnati).

“Ele se mostrou impecável com o saque em Xangai e que está quase impossível conseguir lhe derrotar. Acho que o voleio é a única área de seu jogo que precisa melhorar mais, só que todo o resto está às mil maravilhas”, finalizou o ex-tenista profissional britânico.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis