Notícias | Copa Davis
Com virada incrível, britânicos perdem grande chance
14/09/2018 às 18h10

O 434º colocado uzebque Jurabek Karimov salvou match point e derrotou Norrie

Foto: Divulgação

Glasgow (Escócia) - Sem contar com seus dois principais jogadores, Andy Murray e Kyle Edmund, a equipe britânica da Copa Davis tinha uma grande chance de terminar o primeiro dia de jogos contra o Uzbequistão com uma vantagem considerável, mas uma virada incrível acabou fazendo com que a rodada desta sexta-feira terminasse com uma vitória para cada lado.

Daniel Evans, que é 222º do mundo, marcou o primeiro ponto britânico no confronto depois de vencer uma partida de 4h11 contra o 60º colocado Denis Istomin por 7/6 (7-4), 4/6, 0/6, 6/4 e 7/5. Aos 28 anos, Evans marcou sua sétima vitória em 21 jogos de Copa Davis na carreira.

Logo na sequência, o número 70 do mundo Cameron Norrie era amplo favorito contra o 434º colocado uzebque Jurabek Karimov. O britânico venceu os dois primeiros sets, chegou a liderar a terceira parcial por 4/2 e ainda teve um match point durante um tiebreak, mas permitiu a virada com parciais de 0/6, 5/7, 7/6 (8-6), 6/2 e 6/2 em 3h45 de partida.

Norrie, que tem 23 anos, vive seu melhor momento no circuito e atingiu o recorde pessoal no ranking em agosto, quando foi o 66º colocado. No primeiro semestre, o britânico venceu seu primeiro jogo de Copa Davis em circunstâncias parecidas com as da virada sofrida. O então 114º do ranking havia perdido os primeiros sets contra o espanhol Roberto Bautista Agut no saibro de Marbella, mas conseguiu a virada sobre o número 23 do ranking.

Os nomes mais experientes para o duelo em quadra dura e coberta em Glasgow são os dos duplistas da casa Jamie Murray e Dominic Inglot, que enfrentam Denis Istomin e Sanjar Fayziev às 10h (de Brasília) de sábado. A rodada de domingo começa às 8h.

Sérvia em vantagem - A sérvia abriu boa vantagem no confronto contra a Índia disputado no saibro de Kraljevo. O primeiro a vencer foi o 86º do ranking Laslo Djere, que marcou as parciais de 3/6, 6/4, 7/6 (7-2) e 6/2 contra o 135º colocado Ramkumar Ramanathan. Na sequência, foi a vez de o número 56 do mundo Dusan Lajovic marcar 6/4, 6/3 e 6/4 contra Prajnesh Gunneswaran, 162º colocado.

Disposta a definir o confronto já neste sábado, a equipe da casa deverá escalar a dupla formada por Nikola Milojevic e Danilo Petrovic para enfrentar Rohan Bopanna e Sriram Balaji, a partir das 10h. O quarto jogo da série começa às 8h de domingo.

A nova Davis 
O qualificatório da Davis em fevereiro será composto pelos quatro países quadrifinalistas deste ano (Bélgica, Alemanha, Itália e Cazaquistão) e os oito vencedores da repescagem deste fim de semana. Esses 12 países serão cabeças de chave. Os outros 12 participantes serão os 6 europeus, 3 asiáticos e 3 americanos com melhor ranking na Davis após a rodada deste fim de semana. O quali de fevereiro, que dará 12 vagas na fase final da Davis em novembro, será no atual sistema de sedes alternadas.

A fase final da Davis, a ser jogada em local único em novembro, terá os quatro semifinalistas deste ano (França, Espanha, Croácia e EUA), os 12 qualificados de fevereiro e mais dois convidados.

Comentários