Notícias | Copa Davis
Suíços, britânicos e japoneses têm desfalques na Davis
13/09/2018 às 18h16

Equipe britânica não terá Andy Murray e Kyle Edmund contra o Uzbequistão

Foto: Divulgação

Glasgow (Escócia) - Vencedores recentes da Copa Davis em 2014 e 2015, a Suíça e a Grã Bretanha estarão sem seus principais jogadores para a rodada de playoffs do Grupo Mundial, que acontece neste fim de semana. Outra seleção desfalcada é a do Japão.

A equipe britânica que enfrenta o Uzbequistão a partir das 9h (de Brasília) desta sexta-feira não terá Andy Murray, nem Kyle Edmund. Quem abre a série é o 222º do mundo Daniel Evans, adversário de Denis Istomin. O ascendente Cameron Norrie, 70º do ranking, joga na sequência contra o jovem de 20 anos Jurabek Karimov.

Os nomes mais experientes para o duelo em quadra dura e coberta em Glasgow são os dos duplistas da casa Jamie Murray e Dominic Inglot, que enfrentam Denis Istomin e Sanjar Fayziev às 10h de sábado. A rodada de domingo começa às 8h.

A Suíça mais uma vez não terá seus campeões Roger Federer e Stan Wawrinka, que não jogam a Davis desde os playoffs de 2015. Mas mesmo sem contar com seus dois principais jogadores, a equipe é muito favorita para o confronto contra a Suécia, em quadra dura e coberta em Biel. Quem abre a série é o número 386 do mundo Marc-Andrea Huesler, que enfrenta o 455º colocado Markus Eriksson. Depois, o 120º do ranking Henri Laaksonen encara o número 1.094 Jonathan Mridha. O grande nome do confronto é o veterano duplista sueco Robert Lindstedt, ex-top 3 e atual 62º colocado aos 41 anos.

Já o Japão não terá o ídolo local Kei Nishikori para o duelo com a Bósnia no piso duro de Osaka. Os visitantes também estão desfalcados, já Damir Dzumhur é outra ausência. Quem abre a série é Taro Daniel, adversário de Tomislav Brkic. Na sequência, Yoshihito Nishioka enfrenta Mirza Basic. Nas duplas, o Japão deverá ter Ben Mclachlan e Yasutaka Uchiyama contra Basic e Brkic.

Comentários