Notícias | Dia a dia
Matos e Nicolas Santos decidem Copa Correios
26/08/2018 às 12h32

Nicolas Santos venceu semifinal contra Marcelo Zormann

Foto: Divulgação

Brasília (DF) – Estão definidos os dois finalistas da Copa Correios. Principal favorito, o gaúcho Rafael Matos superou o paulista Enrique Bogo por 6/0 e 7/6 (5) e foi o primeiro a garantir vaga na decisão neste sábado. Na sequência, o experiente Nicolas Santos, cabeça de chave número 2, venceu o duelo entre paulistas com Marcelo Zormann e também assegurou um lugar na final.

A final será disputada, neste domingo, a partir das 13h, nas quadras duras do Iate Clube de Brasília. O jogo erá a transmissão do canal por assinatura Bandsports.

Rafael Matos tem 22 anos e é um dos grandes nomes entre os atletas da transição. Atualmente, o tenista de Porto Alegre é o número 509 do ranking da ATP e teve como melhor posto a 440ª posição, alcançada em maio deste ano, quando sagrou-se campeão de um future em São Paulo.

Mais experiente, Nicolas Santos tem 30 anos e chegou a ser o número 2 do mundo do ranking juvenil da ITF em 2007, quando foi campeão Eddie Herr e foi vice do Orange Bowl. Atualmente, o tenista de Diamantina ocupa a 753ª colocação na ATP. Seu melhor ranking foi o 457º posto atingido em abril de 2013.

A Copa Correios é a terceira etapa do Circuito Profissional da Confederação Brasileira de Tênis e distribuirá uma premiação total de R$ 20 mil. O evento é aberto ao público. Entrada pela lateral do clube.

O Circuito Profissional da CBT foi inaugurado com o Sesc Open, também em Brasília, no início do mês de agosto e teve o brasiliense Gilbert Klier como campeão da primeira etapa, que também distribuiu R$ 20 mil em premiação e teve a final transmitida pelo Bandsports. A segunda etapa, a Copa Espírito Santo, teve como vencedor o carioca Christian Oliveira, que ficou com o vice-campeonato no Sesc Open.

Também estão confirmados o Aberto do Madeira de Tênis 2018 (R$10 mil), em Porto Velho-RO, a Copa Vila Galé Eco Resort de Tênis Profissional (R$ 15 mil), no Cabo de Santo Agostinho-PE, o Bahia Pro Cup (R$ 10 mil), em Salvador-BA, e o Amapá Open (R$10 mil), em Macapá-AP.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis