Notícias | Dia a dia
Djokovic chega para a final com motivação extra
19/08/2018 às 10h59

Djokovic tem cinco vices em Cincinnati

Foto: Divulgação

Cincinnati (EUA) - Neste domingo o sérvio Novak Djokovic pode se tornar o primeiro jogador de simples a vencer todos os Masters 1000 do circuito. Depois de cinco vice-campeonatos em Cincinnati, ele terá uma nova oportunidade de faturar o tão esperado título. Mas a tarefa não será nada fácil, já que ele medirá forças com o suíço Roger Federer, seu algoz em três decisões.

“É mais uma final para mim, mas também é a sexta vez que eu vou tentar esse título. Claro que desta vez eu espero terminar com o troféu em minhas mãos e por isso vou dar o meu máximo. A história também está em jogo e isso me motiva ainda mais”, comentou o sérvio, que tem vantagem no retrospecto com o atual número 2 do mundo.

O penúltimo obstáculo no caminho de ‘Nole’ rumo à conquista inédita foi o croata Marin Cilic, que acabou superado em uma dura batalha de três sets. “Tanto ontem quanto hoje eu consegui quebras cruciais no 4/3 do terceiro set. Estou jogando de forma inteligente, penso no golpe que será melhor para mim e não apenas fico batendo na bola”, analisou o tenista de Belgrado.

“Quando você enfrenta caras como Cilic e (Milos) Raonic, precisa tentar antecipar um pouco o serviço deles, para bloqueá-lo e assim buscar entrar no ponto. Hoje eu consegui fazer passadas da linha de base, o que é ótimo. A partida foi muito equilibrada, assim como foi também a anterior”, analisou décimo colocado no ranking da ATP, que ganhará pelo menos três lugares com a campanha desta semana.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis