Notícias | Dia a dia
Djokovic vai à final e tenta fechar os Masters 1000
18/08/2018 às 18h00

Djokovic busca um título inédito em Cincy

Foto: Divulgação

Cincinnati (EUA) - A busca pelo título do Masters 1000 de Cincinnati, o único deste porte que falta na coleção do sérvio Novak Djokovic, pode acabar em breve. Neste sábado, o ex-número 1 do mundo garantiu vaga na decisão do torneio norte-americano ao bater o croata Marin Cilic em batalha de três sets e 2h32 de duração, com o placar final de 6/4, 3/6 e 6/3

Invicto em semifinais no torneio, anotando a sexta vitória em seis aparições, o tenista de Belgrado tenta quebrar a escrita após amargar o vice cinco vezes (2015, 2012, 2011, 2009 e 2008). Seu adversário na final sairá do embate entre o belga David Goffin e o suíço Roger Federer, seu algoz em três das cinco decisões que disputou na competição até então.

Djokovic tomou as rédeas da primeira parcial com uma quebra logo no terceiro game. Com a vantagem no marcador, ele teve o saque ameaçado em duas oportunidades, salvando um break-point no sexto game e outro no décimo, quando sacou para o set e acabou fechando para abrir 1 a 0 sobre o rival croata.

Os papéis se inverteram no segundo set, que teve Cilic largando na frente e abrindo 3/0 de cara. O sérvio viu sua situação piorar ao perder o serviço no sexto game, mas ‘Nole’ conseguiu devolver uma das quebras de desvantagem e adiou o empate, que veio na segunda vez que o atual número 7 do mundo sacou para fechar.

No terceiro e decisivo set, Djokovic precisou de duas quebras para carimbar seu passaporte para mais uma final. Ele chegou a abrir vantagem com um break no quarto game, mas perdeu o saque em seguida e teve que lutar para tentar superar o serviço de Cilic mais uma vez, algo que aconteceu no oitavo. O sérvio confirmou o saque logo depois e selou a vitória no segundo match-point que teve.

Caso levante a taça em Cincinnati, o sérvio será o primeiro a conquistar todos os Matsers 1000 do circuito, algo que só duplistas fizeram até agora. Os irmãos gêmeos norte-americanos Bob e Mike Bryan e o canadense Daniel Nestor são os únicos que já venceram todos os eventos deste porte. 

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis