Notícias | Dia a dia
Djokovic vence, mas sai insatisfeito com rendimento
14/08/2018 às 11h19

Djoko nunca venceu o Masters de Cincinnati

Foto: Divulgação

Cincinnati (EUA) - Apesar da vitória em sua estreia no Masters 1000 de Cincinanti, derrubando o atleta da casa Steve Johnson em sets diretos, o sérvio Novak Djokovic não saiu de quadra muito contente com o que apresentou. O ex-número 1 do mundo desaprovou seu rendimento na partida como um todo, embora tenha até visto algo de positivo.

“Não estou contente com meu rendimento, poderia ter jogado muito melhor, sobretudo nos pontos importantes. Uma das partes positivas foi o tiebreak, em que consegui me concentrar e fazer um bom papel para fechar o jogo”, analisou o tenista de Belgrado, que agora terá pela frente o francês Adrian Mannarino.

“Houve momentos em que fui muito bem, mas não tive essa consistência o jogo todo. Eu poderia ter fechado mais cedo, mas tenho que dar todo o crédito a ele, que lutou até o final, fez grandes pontos e sacou demais”, acrescentou Djokovic, que busca um título inédito em Cincinnati, o único dos Masters 1000 que ele ainda não venceu.

Além de ter destacado o bom desempenho na reta final, o sérvio comemorou ter conseguido fechar o jogo sem precisar do terceiro set. “No geral, fico feliz em como lidei com tudo no fim e em ter vencido em sets diretos, pois foi uma verdadeira batalha de duas horas para apenas dois sets”, finalizou o atual número 10 do mundo, que agora soma 27 vitórias e 10 derrotas no torneio, em que foi vice-campeão cinco vezes (2008, 2009, 2011, 2012 e 2015).

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis