Notícias | Dia a dia
Tunisiano substitui Nadal e alemão enfrenta Federer
13/08/2018 às 14h42

Jaziri herdou o lugar na chave que era de Nadal

Foto: Divulgação

Cincinnati (EUA) - A segunda-feira foi de definições nas duas pontas da chave do Masters 1000 de Cincinnati. Na parte de cima, o tunisiano Malek Jaziri foi definido como o substituto do espanhol Rafael Nadal, que desistiu da competição logo após comemorar o título do Masters 1000 de Toronto, no último domingo.

Derrotado na última fase do classificatório pelo atleta da casa Denis Kudla, o tunisiano de 34 anos e atual 60 do mundo acabou se dando bem, herdou o lugar do número 1 do mundo no evento e entrará direto na segunda rodada, esperando pelo vencedor da partida entre o sérvio Dusan Lajovic, que também veio do quali, e o canadense Milos Raonic.

Já no outro extremo da tabela, o suíço Roger Federer, cabeça de chave número 2, conheceu seu primeiro oponente na competição. Ele enfrentará pela primeira vez no circuito o alemão Peter Gojowczyk, de 29 anos e atual 47 do mundo, que tem uma vitória em quatro jogos contra top 10 no ano, somando dois triunfos em 12 embates na carreira.

Gojowczyk garantiu seu duelo com o vice-líder da ATP ao derrubar de virada o português João Sousa, de 29 anos e atual 61 do mundo. O germânico não se abalou ao perder o primeiro set e acabou vencendo com parciais de 2/6, 6/4 e 7/5, depois de 1h49 de confronto. Curiosamente, seu melhor desempenho no ano foi em terras suíças, ficando com o vice no ATP 250 de Genebra.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis