Notícias | Dia a dia
Del Potro chega pela primeira vez ao número 3
13/08/2018 às 07h41

Delpo pode até sonhar em brigar pelo nº 2

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - A semana não poderia começar melhor para o argentino Juan Martin del Potro, que ganhou uma colocação no ranking divulgado nesta segunda-feira e agora é o número 3 do mundo, sua melhor colocação da carreira, ficando atrás apenas do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer.

Ele contou com a queda do alemão Alexander Zverev, que não conseguiu defender o título do Masters 1000 canadense, foi eliminado nas quartas de final e acabou perdendo uma posição na lista da ATP, indo de terceiro para quarto, na única alteração em todo o top 10.

Completam a lista dos 10 melhores do mundo o búlgaro Grigor Dimitrov (5º), o sul-africano Kevin Anderson (6º), o croata Marin Cilic (7º), o austríaco Dominic Thiem (8º), o norte-americano John Isner (9º) e o sérvio Novak Djokovic (10º).

Delpo pode ainda sonhar com o número 2, já que a distância para Federer é de 1.070 pontos e pode ser tirada nas próximas semanas, em que haverá a disputa do Masters 1000 de Cincinnati, que começa nesta segunda, e do US Open, daqui duas semanas.

Um pouco mais embaixo, destaque para o jovem grego Stefanos Tsitsipas, que ganhou 12 colocações com o vice-campeonato em Toronto e entrou para o top 15 pela primeira vez. Outro que se deu bem foi o russo Karen Khachanov, que deu um salto de 11 posições e agora é o 27º do mundo.

Fechando a lista das maiores ascensões do top 100 está justamente aquele que mais ganhou terreno na última semana, o bielorrusso Ilya Ivashka, de 24 anos. Ele saiu do quali em Toronto e foi até as oitavas de final, ganhou 25 lugares com a campanha e debutou entre os 100 melhores justamente na 100ª colocação.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis