Notícias | Dia a dia
Murray diz que sairia com Feliciano se fosse gay
11/08/2018 às 12h01

Cincinnati (EUA) - Mostrando bom humor, o escocês Andy Murray respondeu sem preconceito à pergunta feita em sua conta no Instagran sobre qual tenista teria um relacionamento caso fosse gay.

O bicampeão de Wimbledon citou logou o canhoto espanhol Feliciano López. E não perdeu a chance de cutucá-lo: "Ele é bonito e eu ainda poderia ensiná-lo sobre futebol", garantiu o britânico.

Há alguns anos, Judy Murray deixou o filho um tanto sem graça ao dizer que achava o espanhol muito bonito e até lhe deu o apelido de 'Deliciano'.

Murray descansou a semana de Toronto, abrindo mão de convite dos organizadores, mas garantiu presença no Masters 1000 de Cincinnati, que começa nesta segunda-feira.

Seu primeiro adversário será o francês Lucas Pouille. Caso avance à terceira rodada, Murray poderá reencontrar o suíço Roger Federer.

 

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis