Notícias | Dia a dia
Nadal destaca solidez, mas afirma não estar 100%
09/08/2018 às 09h10

Nadal espera melhorar seu ritmo de jogo

Foto: Divulgação

Toronto (Canadá) - A estreia do espanhol Rafael Nadal no Masters 1000 de Toronto, nesta quarta-feira contra o francês Benoit Paire, foi de sensações divididas apesar da vitória sem sustos. De um lado, o número 1 do mundo festejou a solidez, mas por outro ele lamentou um pouco a falta de ritmo e os erros da linha de base.

“Hoje, não me senti 100%, mas também era impossível fazer isso com o tempo que tivemos. Se você perde cedo em Wimbledon tem mais tempo para treinar e se adaptar à nova superfície, mas se você vai longe depois é uma batalha contra o relógio”, analisou o canhoto de Mallorca, que gastou 1h14 para superar seu primeiro rival no torneio.

“Acho que fiz uma partida sólida. É verdade que tive alguns problemas comigo mesmo no segundo set, mas minhas devoluções funcionaram bem. Não acho que o problema tenha sido o saque, mas sim alguns erros da linha de base”, comentou o líder do ranking após anotar sua quarta vitória em quatro jogos contra Paire.

Mesmo sem ter encarado tamanha dificuldade na estreia, Nadal destacou o nível de rival que teve pela frente. “Estes torneios são duros, pois desde o começo já enfrenta rivais top 50. Você precisa estar preparado para encarar um bom teste logo de cara e achar um caminho. O mais importante é pegar ritmo, jogar mais partidas e fazer um bom papel”.

Em busca de um lugar nas quartas de final, o espanhol medirá forças com o suíço Stan Wawrinka, que embora ainda não tenha obtido grandes resultados depois da volta da lesão no joelho, para Nadal é sempre um oponente perigoso. “Já nos enfrentamos em duas finais de Grand Slam e tenho certeza que será um jogo muito difícil”, encerrou.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis