Notícias | Dia a dia
Murray: 'As emoções fluíram após jogo tão longo'
03/08/2018 às 12h06

Murray encarou três jogos seguidos de três sets

Foto: ATP

Washington (EUA) - Mais uma vez o britânico Andy Murray teve uma batalha pela frente no ATP 500 de Washington. Em uma quinta-feira chuvosa, ele não teve apenas que lutar para derrubar o romeno Marius Copil, mas também precisou driblar a chuva, que o colocou em quadra por volta de meia-noite na capital norte-americana, encarando uma batalha de 3h02 para se garantir nas quartas.

Depois de tanto esforço, o ex-número 1 do mundo não resistiu e caiu no choro. "As emoções apenas fluíram ao final de uma partida extremamente longa", comentou Murray sobre as lágrimas vertidas ainda dentro de quadra logo após passar por Copil. Na próxima rodada, ele terá pela frente o jovem australiano de 19 anos Alex de Minaur.

O britânico comemorou a vitória, mas lamentou as condições pelas quais teve que passar. "O corpo não está tão bom neste exato momento, pois encarei jogos muito duros. O tempo foi ardiloso com a programação. É uma situação difícil encarar uma partida até as 3h da manhã para quem veio de uma lesão complicada", avaliou.

"Pelo horário que terminou esse jogo, ainda estarei fazendo minha recuperação até umas 5h30 ou 6h. Depois é tentar dormir o máximo possível, o que não é fácil por causa do relógio biológico. É como se tivesse feito dois jogos no mesmo dia", complementou o escocês, que deve voltar às quadras por volta das 22h (de Brasília) desta sexta-feira.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis