Notícias | Dia a dia
Murray comemora evolução e postura mais agressiva
02/08/2018 às 09h20

Murray venceu apenas a terceira no ano

Foto: Divulgação

Washington (EUA) - Mais uma vez o britânico Andy Murray não teve uma partida fácil pela frente no ATP 500 de Washington, mas novamente ele conseguiu superar os obstáculos e derrubou o compatriota Kyle Edmund, cabeça de chave 4 na competição, por 2 sets a 1 e assim garantiu vaga na terceira rodada.

O ex-número 1 do mundo saiu feliz de quadra não apenas pelo resultado, mas também pelo desempenho. "Em termos de tênis jogado, foi uma partida muito melhor do que minha primeira, em que passei a maior parte do tempo me defendendo e longe da linha de base. Essa não é a maneira que eu quero jogar", analisou.

"Tive uma boa conversa com meu treinador sobre isso e hoje, independente do placar, queríamos ditar mais os pontos, jogar mais com o forehand e mais perto da linha de base. Acho que consegui fazer isso em alguns dos pontos importantes no terceiro set", complementou Murray, que anotou apenas sua quarta vitória na temporada.

Seu próximo oponente na capital norte-americana será o romeno Marius Copil, de 27 anos e atual 93 do mundo. Será o segundo encontro entre eles no circuito e Murray levou a melhor na outra vez que se enfrentaram, no ano passado no Masters 1000 de Madri.

Do outro lado, Edmund lamentou a derrota e principalmente a dupla falta cometida quando sacava em 30-30 com 4/5 no marcador do terceiro set. "Dei o melhor do que eu tinha hoje, mas não foi o suficiente. Seria bom ter confirmado aquele serviço e quem sabe poderia até ter levado o terceiro set em um tiebreak, mas não foi assim que terminou", observou.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis