Notícias | Dia a dia
Monteiro lamenta virada e já pensa em Kitzbuhel
27/07/2018 às 15h19

Cearense não aprovou o saque na derrota para Kovalik

Foto: Arquivo

Hamburgo (Alemanha) - Chegou ao fim nesta sexta-feira a campanha de Thiago Monteiro no ATP 500 de Hamburgo. O cearense foi superado mais uma vez pelo eslovaco Josef Kovalik, que já o havia derrotado no qualificatório, caindo em uma virada com parciais de 3/6, 6/3 e 6/2 após 2h06 de confronto.

"Não saquei bem como vinha fazendo na semana tive dois games importantes com 40 a 30 e não confirmei no segundo e no terceiro sets, fiz um bom primeiro set e passei a oscilar a partir do segundo. Kovalik fez um jogo sólido a partir do segundo set e mereceu a vitória. Apesar da derrota saio contente, foi uma ótima semana, é seguir em frente e ir com tudo para Kitzbuhel", disse Monteiro.

O cearense havia entrado de lucky-loser no torneio com a saída do italiano Andreas Seppi e bateu dois jogadores do top 40 em sua campanha, primeiro veio o francês Gilles Simon e depois o espanhol Fernando Verdasco, cabeça de chave número 8 na competição.

Ao alcançar as quartas de final em Hamburgo, ele repete o desempenho obtido no Rio Open em 2017. Monteiro tem também no currículo uma semi no ATP250 de Quito neste ano. O cearense somará 100 pontos (90 pela chave principal e 10 do quali), descartando os 20 do ATP de Gstaad, ano passado, dará um salto ficando em torno dos 120 melhores do mundo.

Monteiro não terá descanso e segue direto para o ATP 250 de Kitzbuhel, na Áustria, onde estreia neste sábado no qualifying contra o argentino Guido Andreozzi, 118º do mundo. Outro que tentará a sorte no classificatório é o paranaense Thiago Wild, de apenas 18 anos, que enfrentará o alemão Yannick Hanfmann, atual 99º do mundo.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis