Notícias | Dia a dia
Kyrgios não se vê jogando com a idade de Federer
24/07/2018 às 12h21

Kyrgios disparou contra os jogos sobre o saibro

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Embora os tenistas estejam aumentando cada vez mais a longevidade no circuito, o australiano Nick Kyrgios não pretende seguir jogando até uma idade mais avançada. Em entrevista ao jornal britânico The Times, ele contou que não se vê em quadra como têm feito o suíço Roger Federer e o espanhol Rafael Nadal.

“Não deixei de treinar mesmo quando estava lesionado, mas o que fazem Roger e Rafa com suas idades é uma verdadeira loucura. Não há possibilidade alguma que eu continue jogando por tanto tempo como eles”, comentou o australiano de 23 anos, que deve parar quando chegar aos 30 anos, mas diz que depois quer buscar outras coisas para fazer.

“Acho que jogarei por mais seis ou sete anos e depois quero me dedicar a outra coisa. Não entendo aqueles que se aposentam e vão comentar partidas na TV logo em seguida. Não entendo porque não fazem nada mais”, observou Kyrgios, que atualmente ocupa a 18ª colocação no ranking da ATP.

Sempre polêmico, ele não deixou de soltar uma declaração controversa e tratou de disparar contra o saibro. “Para mim, tênis nesta superfície não é tênis, você perde a criatividade e vira uma competição basicamente física”, analisou o australiano, que tem quatro títulos no circuito, todos em piso duro, e mais três vices, um deles sobre a terra batida.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis