Notícias | Dia a dia
Fim da era 'paz e amor' deu o tom na volta de Djoko
24/07/2018 às 11h07

Djokovic mudou postura com a volta de Vajda

Foto: Arquivo

Bratislava (Eslováquia) - O grande momento vivido pelo sérvio Novak Djokovic passa muito pelas mãos do técnico eslovaco Marjan Vajda, com quem voltou a trabalhar às vésperas da temporada europeia de saibro. No retorno da parceira, o treinador resolveu acabar com a era ‘paz e amor’ e pediu o rompimento do ex-número 1 do mundo com o guru espanhol Pepe Imaz.

“Eu queria isso, mas não foi minha condição número 1. O que eu não queria era que Novak fosse influenciado por pessoas que sabem o que é tênis, mas não entendem o psicológico de um atleta de alta performance. Tênis não pode ser baseado em filosofia, é um esporte de um contra o outro”, disse o treinador em entrevista ao site eslovaco Sport.sk.

“Se você quer ser o melhor, consegue isso com repetições nos treinos, jogos e uma mentalidade forte. Quando você vê o cara do outro lado, tem que concentrar em tirá-lo de sua posição, onde jogar a bola, e não pensar em Buda. Fico feliz que tenhamos essas prioridades claras. Trabalhamos duro e graças a isso Novak está melhorando. Depois de 13 semanas de parceria já tivemos sucesso fantástico com o título de Wimbledon”, completou.

Vajda também destacou o retorno do preparador físico Gebhard Gritsch. “Ele trabalhou intensivamente em seu preparo físico, que voltou rapidamente. Novak é um excelente atleta, ele tem um tem um tipo de corpo ideal para o tênis, com excelentes fibras musculares. Apesar da dieta dele ser majoritariamente vegetariana, ele também precisava da proteína animal. Sem ela, simplesmente não é possível”, revelou o eslovaco.

“Tivemos que ajustar a dieta também. Precisava ter mais peixe e outras carnes que ele não come. Ele recebeu a nutrição certa e seus músculos estão perfeitos, fisicamente ele se sente ótimo. Agora, ele tem os hábitos certos e faz tudo que precisa para ser campeão. Espero que ele mantenha isso para o US Open”, finalizou técnico de Djokovic.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis