Notícias | Dia a dia
Djoko volta ao top 10, Anderson debuta no top 5
16/07/2018 às 07h39

Djokovic bateu Anderson na final do domingo

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - Finalistas de Wimbledon no último domingo, o campeão Novak Djokovic e o vice Kevin Anderson começaram a semana felizes com seus novos rankings. O sérvio deu uma bela recuperada na lista da ATP, ganhou 11 colocações e voltou ao top 10 depois de oito meses. Já o sul-africano melhorou três lugares e entrou no top 5 pela primeira vez na carreira.

Se quiser dar passos ainda maiores no ranking, Anderson precisará de novos grandes resultados, já que está quase 800 pontos atrás do argentino Juan Martin del Potro, o quarto na lista. De quebra, o sul-africano ainda terá que defender o vice-campeonato no US Open em menos de dois meses.

Já a situação de Djokovic é muito mais promissora, uma vez que ele não jogou nada no segundo semestre do ano passado e por isso não tem ponto algum a salvar. Além disso, a distância do sérvio para os rivais que estão logo a frente é menor, são pouco mais de 300 pontos para o austríaco Dominic Thiem, o nono, e menos de 400 para o norte-americano John Isner, o sétimo.

Outros que aproveitaram o tradicional Grand Slam britânico para subir no ranking foram o próprio Isner, o japonês Kei Nishikori e o jovem norte-americano Frances Tiafoe, que embora não tenha passado da terceira rodada, no All England Club, ganhou sete colocações e entrou para o top 50 aparecendo no 45º posto, o melhor da carreira.

Semifinalista em Wimbledon, em sua melhor campanha em um dos quatro principais torneios do circuito, Isner melhorou dois lugares e agora a o oitavo melhor do mundo, também em sua melhor marca da carreira. Nishikori conseguiu ganhar oito posições e retornou ao top 20 após dois meses, ocupando justamente o 20º posto.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis