Notícias | Dia a dia
Nike corre o risco também de perder Nadal
13/07/2018 às 11h56

Madri (Espanha) - Depois de ver o suíço Roger Federer trocar a Nike pela Uniqlo, a empresa norte-americana de materiais esportivos corre o risco de ver outro tenista que estrela de seu panteão deixar a marca. Tudo isso porque o contrato do espanhol Rafael Nadal vence no fim de 2018.

Segundo informa matéria do Punto de Break, a parceria entre o canhoto de Mallorca e a Nike se encerra no fim deste ano e a renovação será dura, já que a diferença do atual contrato do espanhol é bem inferior aos principais nomes do tênis, como Federer, que e o sérvio Novak Djokovic.

Nadal atualmente recebe ‘apenas’ US$ 10 milhões por temporada. O novo acordo de Federer com os japoneses da Uniqlo seria de US$ 30 milhões por temporada para os próximos 10 anos, sendo que a proposta da Nike fora de 7,5 milhões. Já o contrato de Djokovic com a Lacoste está na casa dos US$ 18 milhões.

Embora poucas marcas possam disputar um contrato com o espanhol, casos talvez da Adidas e da Under Armour, o que se imagina é que quem quiser vestir Nadal a partir de 2019 tenha que no mínimo dobrar os US$ 10 milhões que ele recebe por ano.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis