Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Venus acredita que disputará Wimbledon em 2019
07/07/2018 às 18h07

Venus terá 39 anos durante a próxima edição de Wimbledon

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Embora não escondesse a decepção pela derrota na terceira rodada de Wimbledon, a pentacampeã Venus Williams espera poder escrever novos capítulos em sua vitoriosa campanha no Grand Slam britânico. A jogadora de 38 anos era a mais velha na chave feminina do torneio.

Desapontada depois de perder por 6/2, 6/7 (5-7) e 8/6 para a holandesa Kiki Bertens, Venus deu respostas curtas aos jornalistas. Mas ao ser perguntada se disputará a edição do ano que vem, ela foi afirmativa, ainda que tenha dito apenas um "sim".

A respeito da partida contra Bertens, Venus lamentou a falta de sorte e as oportunidades perdidas, mas reconhece que a adversária foi superior. "Ela jogou muito bem. Você tem que ganhar o último ponto, e eu não consegui isso".

"O terceiro set foi muito competitivo, decidido nos detalhes", avaliou a número 9 do mundo. "Acho que ela só teve um pouco mais de sorte do que eu no final. Às vezes é preciso ter sorte e habilidade, mas ela mereceu vencer".

Os três jogos que Venus fez no torneio foram decididos no terceiro set. A norte-americana passou 6h48 em quadra durante o torneio e a média de duração de suas partidas foi de 2h16. "Eu provavelmente cometi muitos erros, mas minhas adversários também jogaram bem", afirma a norte-americana, que derrotou Johanna Larsson e Alexandra Dulgheru nas duas primeiras rodadas

Perguntada sobre as chances de Serena Williams no torneio, Venus espera por uma evolução gradual ao longo da competição. "Temos que pensar em rodada após rodada. Seria incrível. Parece que ela jogou uma ótima partida hoje", afirmou a ex-número 1 do mundo, que jogou na Quadra 1 ao mesmo tempo que a irmã vencia a francesa Kristina Mladenovic na Quadra Central na última sexta-feira.

Comentários