Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Muguruza: 'Não joguei no nível que eu queria'
05/07/2018 às 20h09

Atual campeã não repetiu o desempenho do ano passado e caiu na segunda rodada

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Eliminada ainda na segunda rodada de Wimbledon, Garbiñe Muguruza lamentou o fato de não ter conseguido atuar em seu melhor nível. Atual campeã do torneio e número 3 do mundo, a espanhola cedeu a virada à belga belga Alison Van Uytvanck e se despediu do Grand Slam britânico.

"Ela fez um jogo agressivo, assumiu muitos riscos e isso funcionou para ela", disse Muguruza após a derrota por 5/7, 6/2 e 6/1 para Van Uytvanck, 47ª do ranking. "Também acho que não joguei no nível que eu queria. É também por isso que ela pôde jogar nesse nível".

"É um pouco triste porque eu queria ir mais longe. Mas acho que ela jogou muito bem", explica a espanhola de 24 anos. "Eu gostaria de ter lidado com os golpes dela um pouco melhor. Foi difícil ter a sensação de que o jogo estava escapando das minhas mãos. Ela estava em um ótimo dia e tem um jogo muito bom para este piso".

Muguruza tinha 2 mil pontos no ranking a defender e conseguiu apenas 70, por ter avançado uma rodada. Dessa forma, ela deverá ser ultrapassada por pelo menos três jogadoras. A espanhola garante que a necessidade de defender o título pensando nos pontos não era uma prioridade.

"Isso está sempre em sua mente, é claro. Mas eu não estava pensando realmente que eu tinha que defender qualquer coisa. Eu estava pensando em ganhar o torneio novamente. Então eu mudei um pouco o modo de pensar sobre o torneio. Eu estava pronta para vencer, mas não aconteceu", explica a vencedora de dois títulos de Grand Slam.

Escalada para atuar na Quadra Número 2, conhecida como "cemitério dos campeões", e no final da programação desta quinta-feira, a atual campeã evitou polêmicas a respeito da quadra e do horário designados para sua partida. "Não há nada que eu possa fazer. Foi assim que a organização decidiu e eu tenho que seguir. É claro que eu gostaria de jogar em uma quadra maior, é sempre minha preferência, mas dizer algo mais sobre isso não faz sentido", explicou Muguruza. "É uma boa quadra. É claro que as quadras maiores são melhores para jogar, mas é assim que a programação funciona. Os jogadores que atuaram na Quadra Central também mereciam jogar lá".

Comentários