Notícias | Dia a dia | Wimbledon
'Não esperava voltar ao top 5', relembra Del Potro
04/07/2018 às 09h59

Del Potro anotou 22 aces na estreia em Wimbledon

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Atual número 4 do mundo, o argentino Juan Martin del Potro abriu sua campanha em Wimbledon na última terça-feira com uma firme vitória para cima do alemão Peter Gojowckzyk e agora terá pela frente o experiente espanhol Feliciano López, que ao entrar em quadra pela primeira rodada se tornou o recordista de participações consecutivas em Grand Slam.

“Esse recorde dele é incrível. Não acho que eu vou poder disputar tantos Grand Slam como ele”, observou Delpo, que viu López alcançar a marca de 66 aparições seguidas nos quatro principais torneios do circuito, deixando para trás o suíço Roger Federer, com quem dividia o recorde até então.

“Cada um tem a sua carreira. Eu enfrentei lesões durante 2014 e 2015 e não esperava estar de volta ao top 5 depois de tudo pelo que passei, vencendo torneios e lutando pelas colocações mais altas no ranking”, lembrou o argentino, que teve sua carreira atrapalhada por diversos problemas nos dois punhos, passando já por quatro cirurgias.

Será a oitava vez que Del Potro enfrentará López no circuito, com vantagem apertada para a ‘Torre de Tandil’, com quatro vitórias e três derrotas. “Vai ser uma partida dura, pois ele é canhoto e um especialista na grama. Ele gosta de ir para o saque e voleio em boa parte dos pontos. Acho que ninguém quer enfrentá-lo nas primeiras rodadas”, observou o argentino, que aprovou a estreia.

“Acho que joguei bem para uma primeira partida na grama depois de algum tempo. As condições estavam duras de se jogar, por causa do vento, e por isso me foquei bastante toda hora que ia sacar. Saquei muito bem hoje, fiz mais de 20 aces, e sei a importância que é não levar quebras na grama. Um único break pode definir uma partida”, comentou Delpo.

Comentários