Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Bicampeã, Kvitova leva 'pneu' e cai na estreia
03/07/2018 às 13h52

Kvitova não perdia ainda na estreia em Wimbledon desde 2009

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Bicampeã de Wimbledon e uma das principais candidatas ao título do Grand Slam britânico, Petra Kvitova se despediu ainda na rodada de estreia. A número 7 do mundo perdeu um duelo de 2h14 para a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich, 50ª colocada, por 6/4, 4/6 e 6/0.

Esta foi apenas a segunda vitória de Sasnovich contra uma top 10 na carreira, repetindo o que ela já havia feito contra Karolina Pliskova em Tóquio há dois anos. A bielorrussa de 24 anos também conseguiu sua primeira vitória em quadras de grama na temporada. Sua próxima adversária é a norte-americana Taylor Townsend, 73ª do ranking.

Por sua vez, Kvitova vinha de título na grama de Birmingham e era a líder de vitórias na temporada feminina, com 38 no total. Vencedora nos anos de 2011 e 2014, a canhota de 28 anos sofreu eliminações precoces nas últimas quatro edições, mas não caía ainda na rodada de estreia desde 2009.

O primeiro set foi cheio de alternativas, com cinco break points para Kvitova e oito para Sasnovich, que aproveitou uma de suas chances de quebra para passar à frente no sétimo game. A bielorrussa fez apenas oito winners no set inicial contra dezoito da thceca, mas cometeu doze erros não-forçados diante de vinte da bicampeã.

Kvitova reduziu os erros no segundo set e rapidamente conseguiu uma quebra para liderar por 3/0. A tcheca, que errou só dez golpes na parcial, permaneceu sempre na dianteira mesmo quando perdeu game de serviço e voltaria a quebrar para forçar o terceiro set.

Uma quebra a favor de Sasnovich no início da parcial decisiva mudou novamente o rumo da partida. Ainda que o set tenha sido equilibrado, com games longos e chances para os dois lados, Kvitova pecava pela falta de paciência, fazia escolhas erradas e dava pontos de graça em momentos importantes. Quando Sasnovich abriu 4/0, a situação ficou irreversível e ela só perdeu mais um bpontos. A tcheca terminou o jogo com o mesmo número de winners e erros, 36, enquanto Sasnovich anotou 30 bolas vencedoras e fez 22 erros.

Comentários