Notícias | Dia a dia
Mexicano é suspenso preventivamente por doping
29/06/2018 às 18h17
Publicidade
Publicidade

Londres (Inglaterra) - O mexicano de 28 anos Cesar Ramirez foi suspenso preventivamente pela ITF por violar termos do Programa Antidoping do Tênis. A Federação Internacional ainda irá definir quanto tempo ele terá que ficar afastado das quadras.

Em exame de urina realizado durante o challenger da Cidade do México, disputado no mês de abril, Ramirez testou positivo para nandrolona, boldenona, drostanolona and estanozolol. Todas essas substâncias fazem parte da categoria S1 (a de agentes anabolizantes) da lista da WADA (Agência Mundial Antidoping).

Ramirez foi formalmente acusado de violar as regras do antidoping no dia 14 de junho e foi provisoriamente suspenso a partir de 28 de junho de 2018. Ele ainda abriu mão do direito de recorrer ao presidente do Tribunal Independente para que a suspensão provisória não fosse imposta.

O melhor ranking da carreira de Ramirez foi o 391º lugar, alcançado ainda em 2012. Ele já venceu sete títulos de future na carreira. Em duplas, aparece atualmente na 787ª colocação e seu recorde pessoal foi o 105º posto, obtido em fevereiro de 2015.

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis