Notícias | Dia a dia
Rogério é cabeça 3 em Milão, Bellucci e Feijão vencem
23/06/2018 às 17h53

Rogerinho terá um duelo de veteranos na rodada de estreia

Foto: Arquivo

Milão (Itália) - O paulista Rogério Dutra Silva é o único brasileiro que entrou diretamente na chave principal do challenger de Milão. O experiente paulista de 34 anos e 137º do ranking será o terceiro cabeça de chave do torneio de 43 mil euros, disputado em quadras de saibro.

Rogerinho terá um duelo de veteranos na estreia. Ele enfrenta o canhoto espanhol de 36 anos Daniel Muñoz de la Nava, 293º colocado. Os dois já se enfrentaram duas vezes, com uma vitória para cada lado. O espanhol levou a melhor no quali para o ATP de Hamburgo em 2012, enquanto o paulista deu o troco no quali do US Open do ano seguinte.

Em caso de vitória na estreia, Rogerinho pode enfrentar o convidado local Riccardo Balzerani ou um rival vindo do quali. O cabeça de chave mais próximo é o sérvio Pedja Krstin, sexto favorito. Eles estão no mesmo lado da chave do cabeça 2 português Pedro Sousa.

Vitórias brasileiras no quali - Principal cabeça de chave do quali, Thomaz Bellucci confirmou o favoritismo contra o jovem anfitrião de 20 anos e 423º colocado Liam Caruana e marcou as parciais de 6/1 e 6/2.

Ex-número 21 do mundo, o canhoto paulista de 30 anos aparece atualmente no 274º lugar do ranking e enfrenta na próxima rodada o convidado local Enrico Dalla Valle, apenas 812º do mundo. Em uma possível rodada final podem pintar o alemão Sebastian Fanselow ou o australiano Alexei Popyrin.

Também avançou João Souza, o Feijão, que marcou 6/4 e 6/2 contra o convidado italiano Pasquale de Giorgio. Quinto favorito no quali, o experiente paulista de 30 anos e 327º do ranking enfrenta o espanhol Jordi Samper-Montana, 391º colocado. Para a fase final podem pintar o argentino Pedro Cachin ou o austríaco Andreas Haider Maurer.

Quem se despediu ainda na rodada de estreia do quali foi Daniel Dutra Silva. O canhoto paulista de 29 anos e 389º do ranking perdeu por 7/6 (7-1) e 6/4 para o 431º colocado espanhol Gerard Granollers.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis