Notícias | Dia a dia
Federer coloca Nadal entre favoritos em Wimbledon
19/06/2018 às 17h01

Federer derrotou o esloveno Bedene na estreia

Foto: Divulgação

Halle (Alemanha) - Assim como fez dias atrás, após seu retorno ao circuito na grama de Stuttgart, o suíço Roger Federer voltou a enaltecer o espanhol Rafael Nadal como um dos principais favoritos ao título em Wimbledon. Depois de superar a estreia no ATP 500 de Halle, o número 1 do mundo colocou o canhoto de Mallorca entre os mais bem cotados ao título no próximo Grand Slam.

"Se ele está treinando é porque está saudável e quando Rafa está bem qualquer coisa é possível para ele", analisou o tenista da Basileia. "Ele é um dos fortes favoritos a ganhar lá, principalmente se passar bem pelas primeiras rodadas que sempre são difíceis", acrescentou Federer, que precisa do título em Halle para se manter na liderança do ranking e não ser ultrapassado por Nadal.

"Depois disso você pega confiança e ainda mais a evolução da quadra favorece o seu jogo. Estou seguro que ele estará pronto para competir em Wimbledon neste ano", finalizou o suíço ao falar sobre as chances do rival espanhol na grama do All England Club.

Questionado sobre como se sentiu em quadra, jogando dois dias após a final em Stuttgart, ele se mostrou positivo. "Estou especialmente feliz com o que fiz com meu saque. Fui muito sólido, impus o ritmo o tempo todo e não dei muitas chances a um rival que é perigoso. Sabia que era importante conseguir uma quebra o mais rápido possível", analisou.

"Vim aqui para ganhar, quero manter o título. Já tive muito sucesso aqui e quero continuar assim, sou um vencedor e quero ganhar de qualquer jeito", pontuou Federer, que já tem nove conquistas na grama alemã e busca se tornar decacampeão pela primeira vez de um torneio.

Na próxima rodada, o suíço terá pela frente o francês Benoit Paire, contra quem já jogou cinco vezes e venceu todas, sem perder um set sequer. "Não será fácil, ele é um jogador com um revés muito bom e por isso terei que estar sempre atento. O importante é trabalhar e ser humilde", comentou o atual líder do ranking da ATP.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis