Notícias | Dia a dia
Aos 47 anos, Sérgio Sarli morre em São Paulo
18/06/2018 às 10h26

Sérgio Sarli deu aulas por duas décadas no Pinheiros

Foto: Reprodução

São Paulo (SP) - Um dos mais talentosos juvenis de sua geração, o paulista Sérgio Sarli faleceu na noite desde domingo em São Paulo de causas ainda indeterminadas. Segundo amigos próximos, ele teria sofrido complicações de uma pneumonia.

Nascido em 13 de outubro de 1970, Sarli teve uma destacada carreira como juvenil, tendo chegado à final do Banana Bowl na categoria de 18 anos em 1987, superado pelo peruano Alejandro Aramburu. Com isso, chegou a figurar entre os 10 primeiros do ranking mundial da Federação Internacional.

Sarli tentou carreira profissional e atingiu seu melhor ranking em outubro de 1991, como número 526 da ATP. Ele no entanto decidiu se dedicar a dar aulas no clube Pinheiros, onde passou a maior parte de sua carreira.

O corpo de Sarli será velado a partir das 13 horas no Cemitério do Araçá, na zona Oeste da capital, com enterro programado para as 17 horas. Ele deixa uma filha de nove anos.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis