Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Fognini batalha cinco sets e volta às oitavas
02/06/2018 às 10h12

Fognini tenta repetir quartas de final de 2011

Foto: ATP

Paris (França) - O duelo de top 20 em plena terceira rodada de Roland Garros foi mesmo disputado game a game e o italiano Fabio Fognini contou com ruidosa torcida para ganhar seu terceiro jogo no torneio. Desta vez, lutou por cinco sets e superou o britânico Kyle Edmund, por 6/3, 4/6, 3/6, 6/4 e 6/4. Seu adversário de segunda-feira sai do duelo entre Marin Cilic e Steve Johnson.

Em 11 participações em Roland Garros e mesmo sendo um especialista no saibro, Fognini atinge as oitavas de final apenas pela segunda vez na carreira. Foi também em Paris onde alcançou sua maior campanha em Grand Slam, com quartas de final em 2011, numa partida que não conseguiu ir à quadra devido a um estiramento muscular.

Com o avanço de Marco Cecchinato na véspera, esta é a primeira vez que o tênis italiano colocam dois representantes na quarta rodada masculina desde 1976, com Corrado Barazzutti e Adriano Panatta, que conquistou o troféu.

Aos 31 anos, Fognini é o número 18 do ranking já tendo conquistado um título na temporada, no Brasil Open, e ido à semi de Sydney e do Rio. Na fase do saibro europeu, não brilhou, com semi em Genebra, quartas em Roma e segunda rodada em Monte Carlo.

No duelo deste sábado contra Edmund, Fognini fez um pouco de tudo. Acertou 64% do primeiro saque, com 70% de pontos vencidos e sete aces, e foi com sucesso à rede, com 13 de 19 lances bem sucedidos. Somou 41 winners, mas também cometeu 60 erros na tentativa de forçar ao máximo as jogadas. Geralmente mais agressivo, Edmund fez 27 bolas vencedoras e errou 48 vezes.

Edmund começou a partida com quebra, mas permitiu reação no sexto game e aí Fognini disparou. O britânico no entanto reencontrou o ritmo e, mesmo cedendo duas quebras, ainda levou o segundo set. O italiano parecia ter perdido o ritmo e passou mais um set com muitos altos e baixos, mas encaixou grandes golpes na abertura do quarto set e fez 3/0. Edmund reagiu e só falhou mesmo no 10º game. Por fim, o quinto set foi parelho. Fognini desperdiçou duas chances de quebra no quinto game, mas novamente contou com fraqueza mental do adversário no 5/4.

Comentários