Notícias | Top Spin
Austríaca saiu de maca, com câimbra e tontura
26/05/2011 às 19h08

Austríaca saiu de maca, com câimbra e tontura

Paris (França) - Um dia depois de ter de deixar a quadra derrotada  e em uma maca, a alemã Sabine Lisicki disse que seu corpo a deixou na mão. Lisicki chegou a estar na frente no set decisivo por 5/2, mas sentiu tontura e câimbras e levou virada da russa Vera Zvonareva por 4/6, 7/5 e 7/5 iem jogo de duas horas e meia.

"Estou triste por meu corpo ter me deixado na mão. Os médicos descobriram, recentemente, que sou alérgica a glúten. O que significa que não posso comer macarronada, a maior fonte de energia.", escreveu a jogadora de 21 anos em seu site. "Meu corpo precisa se ajustar à grande mudança e necessita de um tempo."

Quando o jogo terminou, pouco antes das 21 horas, Lisicki não conseguiu cumprimentar na rede Zvonareva, que atravessou a quadra para consolar a adversária. Depois de novos exames nesta quinta, a alemã, em comunicado divulgado pela Associação Feminina (WTA), conta: "Comecei a sentir câimbras no fim do segundo set e isso continuou no terceiro. No 4/2 do terceiro, comecei a sentir tontura e não conseguia enxergar a bola nitidamente. Mas em nenhum momento pensei em abandonar, lutei até o fim." Em 2009, Lisicki alcançou as quartas de final em Wimbledon.

Depois de ser quebrado no 5/3, a alemã pediu a presença de um fisioterapeuta e durante a parada comeu uma barra de energia, banana e repôs líquidos. Quando a partido recomeçou, Zvonareva ganhou oito de nove pontos para passar à frente por 6/5. Do outro lado, Lisicki começou a chorar, ainda salvou dois match-points, antes de se despedir.



Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis