Notícias | Dia a dia
Soares e Murray caem para colombianos na semi
19/05/2018 às 11h41

Campanha até a semifinal em Roma foi a melhor de Soares e Murray no saibro europeu

Foto: Arquivo

Roma (Itália) - Algozes de Marcelo Melo e Lukasz Kubot na rodada anterior, os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal voltaram a assombrar os brasileiros no Masters 1000 de Roma. Farah e Cabal eliminaram Bruno Soares e seu parceiro britânico Jamie Murray por 7/6 (7-4), 3/6 e 10-8 na semifinal do torneio italiano.

Este foi o quarto duelo entre as parceiras, com duas vitórias para cada lado. Bruno Soares, entretanto, não tem bom histórico contra os colombianos. Quando ainda jogava com Alexander Peya, ele sofreu seis derrotas em sete jogos diante dos rivais.

A campanha até a semifinal em Roma é a melhor de Bruno Soares e Jamie Murray na preparação para Roland Garros. Antes disso, eles haviam sido eliminados ainda na estreia dos torneios de Monte Carlo e Barcelona e caíram nas quartas em Madri, onde tiveram um duelo precoce contra os irmãos Bob e Mike Bryan. O mineiro e o britânico chegaram às quartas na última participação em Paris.

Com uma quebra logo no game de abertura, Soares e Murray sustentavam a vantagem no placar e chegaram a liderar por 5/3. O mineiro e o britânico tiveram dois set points no saque dos adversários, mas não os aproveitaram e permitiram o empate. Farah e Cabal ganharam confiança, forçaram o tiebreak e iniciaram o game-desempate vencendo por 4-0.

O segundo set foi consistente para Soares e Murray, que perderam apenas quatro pontos em seus games de serviço e não enfrentaram break points. Além disso, o mineiro e o britânico venceram cinco dos sete potos jogados no segundo saque dos adversários e aproveitaram a única chance de quebra que tiveram.

O match tiebreak foi cheio de alternativas, já que nenhuma das parcerias foi dominante no saque. Os colombianos, entretanto, estiveram à frente no placar durante a maior parte do tempo. Soares e Murray chegaram a buscar o empate vencendo quatro pontos seguidos depois que os rivais lideraram por 8-4, mas uma dupla-falta do britânico finalizou a disputa.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis