Notícias | Dia a dia
Stephens vence final nervosa e fatura em Miami
31/03/2018 às 15h44

Stephens volta aos grandes títulos em Miami

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Com nervos à flor da pele e nível técnico fraco, Sloane Stephens conseguiu ser superior a Jelena Ostapenko no duelo inédito entre as campeãs de Grand Slam que marcou a decisão do Premier de Miami. A norte-americana embolsou US$ 1,34 milhão ao anotar as parciais de 7/6 (7-5) e 6/1.

Stephens manteve assim seu notável aproveitamento em finais disputadas, com título nas seis tentativas. Esta foi sua primeira decisão desde a conquista do US Open e encerrou um período ruim. Na temporada, tinha apenas três vitórias em sete jogos antes de Miami.

A campanha da norte-americana de 25 anos foi espetacular em Miami, tendo superado sucessivamente Garbiñe Muguruza, Angelique Kerber e Vitoria Azarenka. Contra a bielorrussa chegou a estar um set e uma quebra atrás do placar. Com o troféu, vai aparecer no inédito nono lugar do ranking nesta segunda-feira.

O primeiro set foi tenso e tecnicamente ruim. O jogo começou com quatro quebras sucessivas até Ostapenko enfim manter e ir a 3/2. Nova série de instabilidade viu Stephens virar para 4/3 e aí ter duas chances para fechar o set, com 5/4 e 6/5. No tiebreak, a norte-americana abriu 6-2, mas suou para concluir a tarefa.

Nova troca de quebras abriu o segundo set até que Stephens conseguiu confirmar um saque sem perder pontos. Aí, ao totalizar seu 41ª erro na partida, Ostapenko permitiu 3/1. Apoiada pelo público, Stephens não deixou a oportunidade escapar.

Apesar do vice, Ostapenko fez enfim uma grande sequência de jogos. Passou facilmente por Timea Babos e Bia Haddad antes de jogos duros diante de Petra Kvitova, Elina Stivolina a Danielle Collins, tudo sem perder set. A letã, que buscar o terceiro título em seis finais, se mantém no quinto lugar do ranking.

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis