Notícias | Dia a dia
Bia tem boa subida e se aproxima de melhor marca
29/01/2018 às 09h40

Bia venceu um jogo em simples e dois nas duplas no AO

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - A paulista Beatriz Haddad Maia venceu apenas um jogo em sua primeira participação no Australian Open, suficiente para encerrar um jejum de 53 anos sem vitórias brasileiras na chave feminina e para lhe fazer ganhar nove lugares no ranking, subindo para o 61º posto, três abaixo da melhor marca da carreira.

Ascensão maior teve Bia no ranking de duplas. Ela e a romena Sorana Cirstea foram até as oitavas em Melbourne, numa campanha que rendeu 31 colocações à canhota paulista, entrando no top 100 na 79ª posição, a melhor que já ocupou até então.

Bia segue como única representante nacional no top 300 de simples e no top 200 de duplas. A paulista Laura Pigossi é a segunda melhor do país em simples, aparecendo apenas na 395ª posição, seguida de perto pela gaúcha Gabriela Cé (405ª), que é também a segunda melhor duplista do Brasil, na 207ª colocação.

Quem amargou uma dura queda foi a pernambucana Teliana Pereira, que não joga desde junho do ano passado e nesta semana perdeu mais 53 lugares na WTA, caindo para o 438º posto. Ela faz pré-temporada na Espanha e deve retornar ao circuito nos ITF US$ 25 mil de Curitiba e de São Paulo, em fevereiro.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis