Notícias | Dia a dia | Australian Open
Brasileiros se despedem nas semis de duplas mistas
26/01/2018 às 09h12

Soares e Makarova tentavam chegar à sua segunda final juntos

Foto: Arquivo

Melbourne (Austrália) - Com dois brasileiros em quadra em lados opostos da chave de duplas mistas, havia uma chance do semifinalistas Bruno Soares e Marcelo Demoliner decidirem o Australian Open da modalidade, mas os dois representantes nacionais e suas respectivas parceiras estrangeiras foram eliminados nesta sexta-feira.

Primeiro a entrar em quadra, Soares e a canhota russa Ekaterina Makarova não fizeram um bom começo de partida contra o croata Mate Pavic e a canadense Gabriela Dabrowski e perderam os cinco primeiros games em apenas sete minutos. Mesmo equilibrando as ações a partir do segundo set, eles caíram com placar final de 6/1 e 6/4.

Campeão de mistas em Melbourne há dois anos, quando jogava com a também russa Elena Vesnina, Bruno Soares tentava alcançar sua quinta decisão na modalidade. Ele tem ainda dois títulos do US Open, o primeiro com a própria Makarova em 2012 e outro com a indiana Sania Mirza em 2014, e um vice-campeonato na grama de Wimbledon em 2013 com Lisa Raymond.

"Foi um bom torneio em Doha e uma boa campanha na dupla mista. Obviamente eu fico um pouco desapontado com a segunda rodada nas duplas, mas dá para tirar coisas positivas desse início de ano," analisou Bruno, que agora volta ao Brasil para disputar o Rio Open. "Vou descansar e me preparar para o Rio Open. É um torneio muito importante para mim e tem muita coisa boa por vir pela frente", completou.

Já Demoliner, que tentava chegar à sua primeira final de duplas mistas da carreira, perdeu um duelo equilibrado ao lado de Maria José Martinez Sanchez. O gaúcho e sua companheira espanhola foram superados pelo indiano Rohan Bopanna e a húngara Timea Babos por 7/5, 5/7 e 10-6.

Oponentes na final de duplas mistas, Bopanna e Dabrowski já tem um título lado a lado, na última edição de Roland Garros. Aquele foi a única conquista de Grand Slam tanto para a canadense de 25 anos, quanto experiente duplista indiano de 37 anos. A húngara Babos vem embalada pela conquista nas duplas femininas ao lado de Kristina Mladenovic e tenta seu primeiro troféu nas duplas mistas, feito que também seria inédito na carreira de Pavic.

Comentários