Notícias | Dia a dia | Australian Open
Cilic vence 100ª em Slam e iguala marcas de Ivanisevic
21/01/2018 às 03h44

Cilic chegou às quartas de final em Slam pela 11ª vez

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - O croata Marin Cilic comemorou neste domingo a 100ª vitória da carreira em Grand Slam ao bater o espanhol Pablo Carreño de virada e em partida duríssima, com três tiebreaks e placar final de 6/7 (2-7), 6/3, 7/6 (7-0) e 7/6 (7-3), depois de 3h30 de confronto. Ele agora espera pelo espanhol Rafael Nadal, que antes precisa confirmar o favoritismo e bater o argentino Diego Schwartzman.

Quadrifinalista pela segunda vez no Australian Open, Cilic se torna apenas o segundo em seu país a ir tão longe no torneio pelo menos duas vezes, algo que só o compatriota Goran Ivanisevic conseguiu, ficando entre os últimos oito em 1989, 1994 e 1997. Além deles, apenas outros dois croatas tiveram tal campanha em Melbourne: Goran Prpic (1991) e Ivan Ljubicic (2006).

Outra marca que Cilic iguala Ivanisevic é a de quartas de final em Slam, empatando com o compatriota como o maior croata da história neste quesito, com 11 para cada um. O cabeça de chave número 6 está agora a um passo de igualar sua melhor campanha na competição, tendo chegado às semifinais em 2010, quando foi derrotado pelo britânico Andy Murray.

Para atingir todos esses números, o croata de 29 anos teve bastante trabalho com Carreño, que venceu o primeiro set e deu bastante trabalho nos três seguintes. A segunda parcial foi a mais tranquila para Cilic, que obteve duas quebras e passou sem perder o saque, vencendo assim com um pouco mais de folga.

No terceiro set, o campeão do US Open de 2014 chegou a ter um break-point de desvantagem, foi buscar a igualdade, ficou novamente atrás e mais uma vez conseguiu devolver a quebra antes do fim, levando a definição para mais um desempate. Já na quarta parcial foi a vez de Cilic abrir vantagem e perdê-la no decorrer da disputa, fechando mais uma vez no tiebreak.

Comentários