Notícias | Dia a dia | Australian Open
Zverev perde cabeça e leva virada com direito a 'pneu'
20/01/2018 às 06h01

Zverev segue sem conseguir boa campanha em Slam

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Mais uma vez Alexander Zvererv decepcionou em um Grand Slam. Apesar de ostentar o posto de número 4 do mundo, o alemão nunca passou das oitavas de final em um dos quatro maiores torneios do circuito e não será neste Australian Open que isso irá acontecer. Ele foi eliminado do torneio neste sábado pelo sul-coreano Hyen Chung, levando uma dura virada com parciais de 5/7, 7/6 (7-3), 2/6, 6/3 e 6/0.

Após vencer pela primeira vez na carreira um top 5 e se classificar para as oitavas, em sua melhor campanha da carreira em um Slam, Chung espera agora pelo sérvio Novak Djokovic, que primeiro precisa confirmar o favoritismo para cima do espanhol Albert Ramos na partida que vai abrir a rodada noturna na Margaret Court Arena.

Chung não só foi tão longe pela primeira vez em um dos quatro maiores torneios do tênis mundial, mas também se tornou apenas o terceiro de seu país a alcançar tal façanha. Antes dele, apenas dois sul-coreanos haviam ido tão longe, Hyung-Taik Lee na chave masculina do US Open de 2000 e 2007 e Duk-Hee Lee na chave feminina do US Open de 1981.

Esta foi a segunda vitória de Chung em dois duelos com Zverev, que também saiu de quadra derrotado quando se cruzaram no saibro do ATP 500 de Barcelona, no ano passado. O germânico soma agora quatro vitórias e três derrotas no Melbourne Park e um retrospecto nem um pouco invejável em Slam (14 vitórias e 11 derrotas). De quebra, ele amargou sua quinta derrota em oito jogos de cinco sets.

Zverev até começou bem, venceu o primeiro set com uma quebra solitária, perdeu o segundo no tiebreak e levou o terceiro batendo o saque do rival sul-coreano duas vezes. Só que um break sofrido no início do quarto game e a chance perdida de devolver a desvantagem logo em seguida parecem ter mexido com a cabeça do germânico, que se desconcentrou depois disso.

Mesmo se mantendo apenas uma quebra atrás até o fim do quarto set, que acabou nas mãos de Chung, o alemão demonstrava quase nenhum poder de reação naquela altura da partida. Um break logo no primeiro game da quinta parcial só piorou a cabeça de Zverev, que não conseguiu mais se concentrar e foi presa fácil para o sul-coreano, perdeu todos os seis games disputados e foi eliminado do torneio.

Comentários