Notícias | Dia a dia | Australian Open
Stephens segue sina de derrotas, Ostapenko avança
15/01/2018 às 00h56

Stephens não vence desde o título no US Open

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Atual campeã do US Open, a norte-americana Sloane Stephens não teve o que comemorar após vencer seu primeiro Grand Slam. Nesta segunda-feria, ela abriu sua campanha no Australian Open e seguiu a sina de derrotas, amargou a oitava eliminação seguida em estreias com uma dura virada da chinesa Shuai Zhang, com parciais de 2/6, 7/6 (7-2) e 6/2.

Cabeça de chave 13, Stephens teve o jogo não mão e chegou a sacar em 5/4 no segundo set para a vitória. Só que ela foi quebrada neste momento, viu a definição ir para o tiebreak, em que se deu mal e levou o empate. Na terceira parcial, a norte-americana sentiu o momento ruim e não fez um bom jogo, mostrou nervosismo e só conseguiu vencer dois games antes de Zhang selar a vitória.

Na segunda rodada, a chinesa terá pela frente quem passar do duelo envolvendo a tcheca Denisa Allertova, vinda do qualificatório, e a francesa Pauline Parmentier. A queda de Stephens abre a chave para a russa Daria Kasatkina, 22ª pré-classificada, que agora só enfrentaria uma outra favorita nas oitavas, provavelmente a ucraniana Elina Svitolina, quarta mais bem cotada ao título.

Outra campeã de Grand Slam em 2017 que já marcou sua estreia no Melbourne Park foi a letã Jelena Ostapenko, que não teve grande dificuldade para fazer valer a condição de cabeça de chave 7 e eliminar a veterana italiana Francesca Schiavone, marcando parciais de 6/1 e 6/4 no duelo entre a atual vencedora de Roland Garros e a campeã de 2010.

A próxima adversária da letã de apenas 20 anos será a chinesa Ying-Ying Duan, primeira vitoriosa deste Australian Open, batendo a colombiana Mariana Duque-Mariño em apenas 50 minutos, com placar final de 6/0 e 6/1. Será a primeira vez que Ostapenko enfrentará a rival de 28 anos e atual número 100 do mundo no circuito.

Comentários