Notícias | Dia a dia | Australian Open
Após comemorar título, Kerber já pensa em Melbourne
14/01/2018 às 16h34

Vinda de nove vitórias, alemã tenta voltar a conquistar o Australian Open

Foto: Divulgação

Sydney (Austrália) - Depois de conquistar o WTA Premier de Sydney, seu primeiro título desde setembro do ano passado, Angelique Kerber teve pouco tempo para comemorar. Embalada pelas nove vitórias seguidas no início da temporada, a alemã já está de olho no Australian Open, onde tentará repetir sua conquista de 2016.

"Na próxima semana começa um torneio completamente novo, em cidade nova e todas começamos a partir do zero", disse Kerber em entrevista coletiva no último sábado em Sydney. A alemã estreia no Australian Open na próxima terça-feira contra a compatriota Anna-Lena Friedsam

"Vou tentar descansar tanto quanto eu conseguir nos próximos dois dias, e depois pensar em cada partida do zero, mas antes de tudo, vou aproveitar o título hoje [sábado] e a partir de amanhã [domingo] estarei pensando em Melbourne", explica a ex-número 1 do mundo.

Kerber começou a temporada vencendo os quatro jogos de simples que fez durante a participação alemã na Copa Hopman e manteve o embalo em Sydney. Ela encerra a preparação para o primeiro Grand Slam do ano bastante orgulhosa pelo tênis apresentado.

"Vim aqui pensando em um jogo de cada vez e tentando me acostumar com as condições climáticas, porque todos os dias era um pouco diferente: ventou, fez calor e tudo. Então, na verdade estou muito orgulhosa de como eu pude jogar todos os dias", comentou a agora 16ª colocada, que destacou a dificuldade da chave que enfrentou.

"Acho que a chave foi muito difícil. Muitas jogadoras difíceis estavam no torneio, mas eu entendo também que eu não fui cabeça de chave e já esperava ter jogos difíceis desde o início", afirmou Kerber, que passou por Lucie Safarova, Venus Williams, Dominika Cibulkova, Camila Giorgi e Ashleigh Barty em Sydney.

O bom começo de temporada contrasta com o ano bem abaixo de suas expectativas que teve em 2017, quando caiu do 1º para o 21º lugar do ranking e não conquistou nenhum título, disputando apenas uma final, em Monterrey. "Fiquei muito feliz quando o ano acabou. Isso é verdade. Tentei tirar algumas semanas de folga e esquecer o ano de 2017. Depois me concentrei em minha pré-temporada e trabalhei duro pensando em 2018. É nessa situação que estou neste momento, vou tentar jogar melhor este ano e não olhar para trás".

Comentários