Notícias | Dia a dia
Kerber vence 9ª seguida e encerra jejum de títulos
13/01/2018 às 06h44

Kerber consegue o primeiro título desde o US Open de 2016

Foto: Divulgação

Sydney (Austrália) - Depois de viver uma temporada bem abaixo de suas expectativas, Angelique Kerber começou 2018 em ritmo arrasador. Neste sábado, a alemã anotou a nona vitória consecutiva e conquistou o WTA Premier de Sydney ao marcar um duplo 6/4 contra a australiana Ashleigh Barty.

Durante as duas primeiras semanas do ano, Kerber venceu os quatro jogos que fez na campanha alemã até a final da Copa Hopman além de anotar cinco vitórias em Sydney, onde nem foi cabeça de chave. Logo na estreia, ela precisou salvar dois match points contra a tcheca Lucie Safarova. A alemã trocou de treinador no início da temporada, encerrando a relação profissional com Torben Beltz e iniciando o trabalho com Wim Fissette.

Prestes a completar 30 anos na próxima semana, Kerber aparece atualmente no 22º lugar do ranking mundial. Com os 470 pontos conquistados nesta semana, a ex-número 1 deve ganhar mais seis posições. O título obtido neste sábado foi o 11º de sua carreira, que já conta com dois troféus de Grand Slam, e o primeiro desde o US Open de 2016. 

Já a jovem Barty, que tem 21 anos, terá o melhor ranking da carreira. Ela sobe do atual 19º para o 17º lugar. A australiana, que já foi número 2 do ranking mundial juvenil, segue com apenas um título conquistado em Kuala Lumpur e disputou a quarta decisão de sua carreira.

Depois de salvar quatro break points em seus dois primeiros games de saque, Kerber contou com uma dupla-falta da australiana no quinto game para conseguir a única quebra do set inicial. As jogadoras trocaram quebras no início da segunda parcial até que Kerber conseguisse a vantagem definitiva no sétimo game e permanecesse firme em seus games de serviço. Ainda que Barty tenha liderado nos winners por 24 a 10, a australiana cometeu 38 erros contra apenas 13 da alemã.

As duas jogadoras seguem agora para a disputa do Australian Open. Kerber terá um duelo alemão contra Anna-Lena Friedsam, enquanto Barty enfrenta na estreia a perigosa bielorrussa Aryna Sabalenka.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis