Notícias | Dia a dia | Australian Open
Quadril faz Murray desistir do Australian Open
04/01/2018 às 08h59

Murray pode ter que operar para voltar

Foto: Arquivo

Melborune (Austrália) - Após dias de incerteza e uma declaração sincera sobre sai situação atual, o britânico Andy Murray acabou desistindo também de jogar o Australian Open. O quadril, que o tirou de boa parte da temporada passada, ainda não está totalmente recuperado e o ex-número 1 do mundo não poderá disputar o primeiro Grand Slam do ano.

"Infelizmente eu não jogarei em Melbourne este ano, uma vez que não estou pronto para competir. Voltarei para casa o mais rápido possível e lá avaliarei todas as opções possíveis", explicou o britânico, que ainda sofre com o quadril e pode ter que passar mesmo por uma operação para tentar sanar o problema.

A desistência de Murray não veio sozinha, aconteceu horas depois do japonês Kei Nishikori também anunciar que não iria para a Austrália. Outros nomes de peso ainda são dúvida, com destaque para o espanhol Rafael Nadal, o sérvio Novak Djokovic e o suíço Stan Wawrinka, que ainda não jogaram em 2018, mas devem participar de um evento pré-Australian Open.

Fora de competição desde Wimbledon, o britânico foi adiando seu retorno, que primeiro iria acontecer no Mubadala World Tennis Championship, torneio de exibição em Abu Dhabi. Na sequência ele também pulou fora do ATP 250 de Brisbane, que acontece nesta semana, e agora revelou que também não jogará em Melbourne.

Comentários