Notícias | Copa Davis
Mahut se diz decepcionado por ficar de fora da final
24/11/2017 às 10h19
Publicidade
Publicidade

Noah deixou Mahut de fora na final da Davis

Foto: Corinne Dubreuil/ITF

Lille (França) - O capitão da equipe francesa, Yannick Noah, adotou uma estratégia diferente para a final da Copa Davis contra a Bélgica, que terá a largada nesta sexta-feira. Ele convocou seis jogadores para as quatro vagas e só definiu os dois cortados às vésperas do sorteio de quinta-feira, deixando de fora Nicolas Mahut e Julien Benneteau.

A decisão do comandante francês deixou Mahut, que esteve em todos os confrontos deste ano, um tanto descontente. "Isso foi uma decepção tanto para mim quanto para Benneteau, nós sabíamos que éramos seis e que dois iriam ficar de fora. Essa é a regra do jogo e aceitamos", lamentou o atleta de 35 anos, em entrevista para o L'Equipe.

"Agora, o meu papel será torcer por meus companheiros nesta final", acrescentou Mahut, que venceu os três jogos de duplas que disputou na Davis em 2017 e viu Richard Gasquet entrar em seu lugar e ser escalado para a partida de duplas no sábado, jogando ao lado de Pierre-Hugues Herbert.

Lucas Pouille abrirá a série contra o belga David Goffin e tentará aproveitar o fator casa para manter seu retrospecto impecável contra o rival, que perdeu os três duelos anteriores com o francês. Na sequência, será a vez de Jo-Wilfried Tsonga entrar em quadra para um confronto inédito com Steve Darcis.

Comentários