Notícias | Dia a dia
Bia comemora 'ano positivo e de muito aprendizado'
20/10/2017 às 16h06

Bia destacou a 1ª vitória em Slam em Wimbledon

Foto: Arquivo

Luxemburgo (Luxemburgo) - Após a disputa de 21 torneios pelo mundo, a paulista Beatriz Haddad Maia encerrou a temporada 2017 nesta semana no WTA de Luxemburgo, onde venceu um jogo, mas parou na segunda rodada. A número 1 do Brasil e comemora o melhor ano de sua carreira, saindo da 173ª colocação no ranking para a atual 58ª.

“O ano foi bastante positivo, além das vitórias tive muito aprendizado. Junto da minha equipe, traçamos objetivos de melhorar alguns aspectos técnicos e, principalmente, me manter saudável para conseguir desenvolver um trabalho consistente. Consegui trabalhar firme no dia a dia e conseguimos agregar muitas coisas novas no meu jogo, construir uma base mais sólida", disse.

"Fisicamente, evolui bastante com toda a preparação que eu faço com o Paulão (Paulo Santos, fisioterapeuta). A soma de tudo isso, de todo trabalho duro, da nossa dedicação, fez com que a gente conseguisse esses resultados positivos. Eu sempre acreditei que as coisas pudessem acontecer, que eu tinha potencial para enfrentar as melhores do mundo, mas aconteceu mais rápido do que eu podia imaginar. Foi um ano de consolidação, de acreditar em mim, resultado de todo trabalho que a gente vem realizando.”, acrescentou a canhota paulista.

Os resultados expressivos de 2017 foram o vice-campeonato do WTA de Seul, os títulos do ITF US$ 100 mil de Cagnes-Sur-Mer e do ITF US$ 25 mil de Clare, a conquista nas duplas no WTA de Bogotá, e as quartas de final do WTA de Praga. Bia também venceu a primeira em um Grand Slam, em Wimbledon, e dos quatro grandes só não jogou o Australian Open.

"Em relação a momentos de alegria na quadra, acho que toda semana, independente de ganhar ou perder, trago ótimas memórias... Uma vitória significativa foi o jogo contra a (Samantha) Stosur, foi muito especial. Tive uma semana em Praga que mudou bastante coisa para mim lá. Também foi especial ter vencido minha primeira rodada em Wimbledon. Foram muitos momentos especiais e memórias que vão ficar bem guardadas no meu coração", destacou.

Oficialmente de férias, a tenista número 1 do Brasil quer aproveitar os próximos 15 dias perto da família. "Fico feliz que consegui terminar o ano muito bem. Tudo é fruto de um trabalho duro. Minha vida toda sempre foi voltada para o tênis. Abri mão de muita coisa e consegui fazer sempre as coisas da melhor forma possível para que concretizasse todos os meus objetivos", observou Bia.

“A pré-temporada começa dia 6 de novembro, no Rio, focando mais na parte física. Depois, em dezembro, vou para a IMG Academy, nos Estados Unidos, e embarco para a Austrália, na última semana de dezembro", complementou a brasileira, que espera manter os resultados positivos em 2018.

Comentários
Loja - livros
Mundo Tênis