Notícias | Dia a dia
Nadal não dá chances e bate Fognini pela 10ª vez
12/10/2017 às 08h32

Nadal não encarou um break-point sequer na partida

Foto: Divulgação

Xangai (China) - Assim como fez na estreia, o espanhol Rafael Nadal conquistou mais uma imponente vitória, desta vez contra um rival bem mais gabaritado que o anterior. Nesta quinta-feira, o número 1 do mundo teve pela frente o italiano Fabio Fognini, que não conseguiu fazer frente e foi dominado, caindo em sets diretos e com placar final de 6/3 e 6/1, em apenas 62 minutos de confronto.

Nas quartas de final, o canhoto de Mallorca terá um desafio ainda maior, encarando o búlgaro Grigor Dimitrov, que mais cedo fez valer a condição de cabeça de chave número 6 e superou o norte-americano Sam Querrey por 2 sets a 0, marcando parciais de 6/3 e 7/6 (7-3), em 1h23 de partida.

Depois de anotar sua décima vitória da carreira sobre Fognini em 13 encontros, o espanhol tentará repetir o feito contra Dimitrov, que até então perdeu nove e só venceu uma contra Nadal. O solitário resultado positivo do búlgaro veio justamente na China, só que no ATP 500 de Pequim, onde bateu o atual líder do ranking no ano passado.

Com grande desenvoltura em quadra desde os primeiros pontos, Nadal não deu brechas para Fognini no duelo desta quinta, dominado as ações do jogo. A primeira quebra em favor do espanhol não tardou a acontecer e veio logo no segundo game do confronto. Porém, ele não conseguiu repetir o feito até o fim do set inicial e saiu na frente com a vantagem mínima.

Só que as coisas mudaram bastante na segunda parcial, que foi toda do espanhol. Logo no primeiro game ele já saiu quebrando e tratou de repetir o feito ainda mais duas vezes para cima de Fognini, que não teve forças para confrontar Nadal em igualdade e confirmou apenas um dos seus serviços, caindo mais uma vez em duelo contra o canhoto de Mallorca.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis