Notícias | Copa Davis
Brasil foge da Argentina no Zonal para 2018
18/09/2017 às 11h22

Após derrota para o Japão, Brasil terá que disputar o Zonal Americano mais uma vez no próximo ano

Foto: Takeo Tanuma/ITF

Londres (Inglaterra) - Pela primeira vez desde 2001 a Argentina irá disputar o Zonal Americano I da Copa Davis, prometendo esquentar a disputa local em 2018. Com a presença dos atuais campeões, Brasil e Colômbia perderão a primazia de principais cabeças de chave que vinham ostentando nos últimos anos.

De acordo com o ranking da Davis, Argentina e Brasil serão os cabeças de chave na próxima disputa, sendo que a Colômbia poderá cair em qualquer um dos lados, podendo complicar a vida das duas nações.

Os colombianos inclusive já foram ultrapassados pelos chilenos na lista da competição e o zonal promete ser duro em 2018. Completam a lista de participantes Chile, Equador, República Dominicana e o vencedor do confronto entre Venezuela e Barbados.

Atualmente ocupando a 19ª colocação no ranking, o Brasil tem o Chile e a Colômbia não muito longe, respectivamente na 22ª e 23ª posições.

Com sete participantes, apenas os principais favoritos, caso da Argentina, ganharão folga na primeira rodada. Por isso o Brasil terá que enfrentar duas séries para buscar novamente uma chance na repescagem do Grupo Mundial, que o país disputou pela última vez em 2015, encarando justamente na primeira rodada os "hermanos".

A Federação Internacional também anunciou os oito cabeças de chave do Grupo Mundial, que serão pela ordem França, Bélgica, Grã-Bretanha, Croácia, Suíça, Austrália, Sérvia e Itália. Esses oito serão sorteados para enfrentar Canadá, Alemanha, Hungria, Japão, Cazaquistão, Holanda, Espanha e Estados Unidos. A chave será feita na quarta-feira.

Comentários