Notícias | Dia a dia | US Open
Hingis e Murray vencem 2º Slam seguido nas mistas
09/09/2017 às 14h45

Parceria entre a suíça e o britânico venceu Wimbledon e US Open este ano

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Tal como havia acontecido em Wimbledon, a parceria formada por Martina Hingis e Jamie Murray conquistou mais um título de Grand Slam nas duplas mistas. A suíça e o britânico venceram o US Open ao derrotarem na final a parceria foramda pelo neozelandês Michael Venus e a taiwanesa Hao-Ching Chan por 6/1, 4/6 e 10-8.

Este é o sétimo título de Grand Slam em duplas mistas na carreira de Hingis, sendo o segundo no US Open. Ela já havia triunfado em Nova York em 2015 ao lado do indiano Leander Paes. A parceria da suíça com Jamie Murray já havia faturado Wimbledon este ano.

Ex-número 1 tanto em simples quanto em duplas, Hingis está prestes de completar 37 anos. Ela já acumula 23 títulos de Grand Slam como profissional, sendo cinco em simples, doze nas duplas femininas e sete nas mistas. A conquista também coincide com os 20 anos de seu único de simples em Nova York, 1997, ano de construção do Arthur Ashe Stadium.

A suíça ainda pode sair de Nova York com mais um troféu, já que disputa a final de duplas femininas ao lado da taiwanesa Yung-Jan Chan (irmã mais velha de Hao-Ching) no próximo domingo. As adversárias na decisão são as tchecas Lucie Hradecka e Katerina Siniakova.

Já Jamie Murray acumula três títulos de Grand Slam nas duplas mistas. Além das duas conquistas com Hingis, ele também venceu Wimbledon em 2007, com a sérvia Jelena Jankovic. O britânico de 31 anos tem títulos do Australian Open e do US Open nas duplas masculinas, obtidos ao lado do mineiro Bruno Soares na temporada passada.

O jogo começou arrasador para Hingis e Murray, que perderam apenas dois pontos no saque durante o set inicial e agrediram nas devoluções para conseguirem três quebras. A parcial seguinte foi bem mais equilibrada e um game mal jogado por Jamie Murray em seu saque custou a perda do serviço. Mesmo buscando o empate, a suíça e o britânico voltariam a permitir que os rivais passassem à frente.

Já no match tiebreak, Hingis foi a primeira a perder o saque, mas buscou por si mesma a igualdade com um winner de devolução sobre Chan. Murray, que havia feito dois aces, acabou permitindo que Venus vencesse um ponto em seu serviço, mas contaria com erro não-forçado dos rivais para empatar por 5-5. Chan conseguiu uma ótima passada sobre a suíça para igualar a disputa em 7-7. Após uma sequência de dois bons saques, Jamie Murray deixou sua dupla em condição de ter o primeiro match point e aproveitou a chance na rede.

Comentários